Panamá além do canal

visa diruna de Panamá City

O Panamá é reconhecido mundialmente por suas 48 milhas de canal que une o Oceano Pacífico ao Oceano Atlântico. Todos os anos, mais de um milhão de pessoas visitam o Canal do Panamá e testemunham essa maravilha da engenharia. Mas você precisa conhecer o Panamá além do canal.

Três milhões de anos atrás, o istmo do Panamá emergiu do mar e mudou o mundo para sempre. Dividiu um oceano e uniu dois continentes, causando um dos eventos mais importantes da evolução natural na história do mundo.

Hoje, essa estreita ponte terrestre na América Central abriga mais espécies de pássaros e árvores do que toda a América do Norte. E o Visit Panamá convida os turistas a descobrir a beleza de suas paisagens, sua rica cultura e uma série de atividades turísticas que estão ao seu alcance.

Na Cidade do Panamá, pode-se desfrutar de restaurantes de qualidade, vida noturna agitada e cassinos. Além disso, o país atraiu algumas das marcas mais famosas do mundo, que abriram lojas na capital. Turistas de todo o mundo visitam a capital e descobrem uma bela cidade cosmopolita, com todo o conforto esperado de um centro de negócios e turismo.

Multiplicidade cultural

O país está localizado em um istmo que se estende por 75.420 km2, ligando a América Central à América do Sul. É banhado ao norte pelo mar do Caribe e ao sul pelo oceano Pacífico. Por terra, faz fronteira com a Colômbia, a leste, e a Costa Rica, a oeste.

O Panamá tem uma multiplicidade cultural que o torna único na região. Isso também pode se atribuir à presença constante de visitantes de todo o mundo. Assim, a origem dessa mistura cultural única é a encruzilhada que o país sempre teve. Mas também a intensa conexão do Panamá com o mar é o que o torna muito semelhante a uma ilha do Caribe.

Além disso, tem uma cultura particularmente rica porque, apesar de origens e tradições culturais muito diversas, foi estimulada pela atmosfera de tolerância e harmonia que sempre prevaleceu no território.

O dólar americano circula livremente. A moeda panamenha, o Balboa, tem paridade com a dos Estados Unidos.

Veja mais informações em https://www.visitpanama.com/

Informações sobre hotéis: http://nuestraamerica.com.br/rede-decameron-lanca-campanha-de-biosseguranca-pos-covid-19/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *